Arquivo de etiquetas: amar

Transcendência

Acordei em uma sublime realidade
E procurei em minha volta
Vi poesia, vi verdades
Estava em uma praia infinita
Longe da fauna e flora urbana.

Fiz morada na calmaria
Dei um descanso aos meus ouvidos
E uma tarefa aos meus pés aflitos
Usei do embalo do vento
Pra dançar com a areia salubre.

Em meio ao exímio exílio
Esculpi o desejo no meu corpo
Algo negligenciado há tempos
E parti em uma incerta jornada
Buscando transcender da incapacidade de amar.

Luiz Felipe M. Santana