Poesia é coisa

Poesia é coisa de louco,
poesia é coisa de vadio,
poesia é coisa de trabalhador,
poesia é coisa de gente sóbria.

Poesia é coisa que faz,
poesia é coisa que sofre,
poesia é coisa que ri,
poesia é coisa que chora.

Poesia é coisa que grita
coisa que sussurra,
coisa que geme,
Poesia é coisa que mata.

Poesia é sim,
poesia é não.
Poesia é tudo e nada,
é grande e pequena,
mas poesia nunca é talvez.

Poesia é fazer sol,
poesia é chover.
Poesia faz sentir,
poesia faz florescer,
faz viver.

Viva a poesia!

Guiomar Baccin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *