Legião dos corações partidos

Nossa legião se expande
Mas ainda somos oprimidos
Cada dia outro se junta
À legião dos corações partidos

Esse grupo vem crescendo
Desde mil anos ou mais
Todas essas pobres pessoas
Foram deixadas para trás

Largadas nas valas fétidas da solidão
Sem um motivo
Sem uma razão
Apenas um vazio

Falsa esperança
Sentimento de mudança
“Com ela será diferente” diz ele
Ah, pobre homem iludido

Saia desse ciclo
Serás sempre um sonhador
Não existe mais remédio
Que cure essa sua dor

Nossos corpos putrefatos
De tanto esperar mudança
Valas cheias de sonhadores
Sem mais um lapso de esperança

Olhem só
Mais um que vem chegando
Não chores meu bom homem
Venha, vamos entrando
Tem um lugar na vala
Reservado pra você

Felipe Daltoé

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *